Como conquistar a Moda Sustentável: Roupas Mais Ecológicas, Saudáveis e Socialmente Responsáveis

Sep 9, 2021 | Blog

A indústria da moda e o setor têxtil fizeram grandes progressos nos últimos anos, apostando na moda sustentável e em uma economia circular. Muito se fala sobre isso, mas você realmente sabe o que é moda ética?

A moda sustentável e roupas éticas consistem em fabricar roupas e acessórios a partir de materiais que vêm da natureza e até mesmo materiais residuais – desde que possam ser reciclados – como garrafas plásticas ou papel. Esses materiais sustentáveis são usados para fabricar novos tecidos que permitem a fabricação de peças de vestuário.

Além disso, a moda sustentável é benéfica para nossa saúde. Roupas ecológicas, ou “eco-vestuário”, são feitas com materiais naturais como algodão orgânico, bambu, algas, tencel (fibra celulósica), pele de peixe (usada para sapatos e bolsas) e corantes naturais que dão cor aos tecidos sustentáveis. Todos esses materiais estão livres de produtos químicos tóxicos e perigosos, o que previne alergias e irritações na pele, além do baixo impacto ambiental.

A indústria da moda tem um papel importante a desempenhar na abordagem dos desafios globais de sustentabilidade, tanto por causa de seu impacto e sua influência, quanto por ser notoriamente sub-regulada sobre práticas éticas e ser o segundo segmento industrial mais poluente.

Você sabia:

80 bilhões de peças de vestuário são adquiridas em todo o mundo em apenas um ano.

70 milhões de toneladas de tecidos são usados em todo o mundo, anualmente, para a fabricação de roupas.

60 a 70 horas semanais são as horas de trabalho dos trabalhadores asiáticos.

25% das roupas permanecem não vendidas nas lojas.

10% da poluição hídrica nos rios vem de indústrias têxteis.

7 é o número aproximado de vezes que as pessoas usam uma peça de roupa antes de jogá-la fora.

– Menos de 1% dos produtos originalmente utilizados são reciclados e utilizados em novas peças de vestuário.

Felizmente isso está começando a mudar. Na Europa e nos EUA, os governos estão considerando novas políticas e regulamentos que visam adicionar práticas sustentáveis, melhorar os salários e as condições de trabalho dos trabalhadores de vestuário e transformar a indústria da fast fashion. A pressão para mudar vem de investidores, consumidores e até mesmo das próprias marcas. As empresas estão respondendo com compromissos sociais e ambientais para fazer melhor.

Mas eles estão realmente fazendo a diferença?

Uma forma de a moda reduzir seu impacto ambiental é dimensionando modelos de negócios circulares, através dos quais as empresas empregam uma série de estratégias para reduzir tecidos em estoques e utilizar materiais reciclados para fazer uso mais eficiente dos recursos. Medidas como o imposto sobre a fronteira de carbono da UE objetivam promover a moda circular, tornando a economia da reciclagem onshore e outras práticas sustentáveis mais atraentes.

Artigos Relacionados

Criando um Ponto de Venda Perfeito: Teamwork + Epson

2020 pode ser conhecido como o ano das compras online. Com o desempenho EOY esperado de US $ 4,2 trilhões em vendas globais em e-commerce, o conceito de uma experiência de compra contínua e ilimitada está cada vez mais acessível em todo o mundo. Os periféricos de hoje...

read more

Sign up for the newsletter

By submitting this form, you acknowledge that you have reviewed the terms of our Privacy Statement and consent to the use of data in accordance therewith.

Share This